Angela Schanelec ganha prêmio de direção no Festival de Berlim

A alemã Angela Schanelec ganhou o prêmio de direção na edição deste ano do Festival de Berlim, encerrada neste sábado (16). Ela foi premiada pelo longa I Was at Home, But, um dos sete filmes dirigidos por mulheres na competição principal, um recorde na história do evento. Leia também: Quem é Mariette Rissenbeek, a nova diretora-executiva da Berlinale? Em I Was at

“Poderia Me Perdoar?” reforça versatilidade de Melissa McCarthy

Melissa McCarthy conseguiu um feito improvável que muita gente esquece: tornou-se uma das mais rentáveis estrelas de Hollywood sendo uma mulher de mais de 40 anos (hoje, 48) e desafiando o limitado padrão de beleza do cinema comercial americano. Em apenas quatro anos, passou da coadjuvante que rouba a cena em Missão Madrinha de Casamento (2011) para a terceira atriz mais bem

Estreias da semana: as mulheres que chegam às salas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e/ou centrados em mulheres que chegam às salas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 14 de fevereiro. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo "Alita - Anjo de Combate" [Alita: Battle Angel, Canadá/Argentina/EUA, 2019] Uma ciborgue desativada é revivida por um especialista, mas não consegue se lembrar de

5 filmes de diretoras para ver em fevereiro na Netflix

Todo mês o Mulher no Cinema escolhe cinco filmes dirigidos por mulheres que podem ser vistos em casa mesmo, no conforto da Netflix. São títulos de diferentes gêneros, que mostram a variedade da produção e ajudam nos dias em que a vontade de ver um filme é grande, mas a inspiração não vem. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo e

Bafta, o Oscar britânico, premia “A Favorita” e “Roma”

Roma e A Favorita foram os grandes ganhadores da edição deste ano do British Academy Film Awards, ou Bafta, realizada neste domingo (10) em Londres. Enquanto o longa dirigido por Alfonso Cuarón e estrelado por Yalitza Aparicio ganhou melhor filme e melhor direção, o de Yorgos Lanthimos com um trio de protagonistas mulheres foi o mais premiado da noite, com

Filmes dirigidos por mulheres dominam em Sundance

Filmes dirigidos por mulheres dominaram a premiação do Festival de Sundance, encerrada neste sábado (2) nos Estados Unidos. Os prêmios refletiram a forte presença das diretoras no festival: dos 62 cineastas que tinham filmes nas mostras competitivas, 42% eram mulheres. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo Nesta edição, todos os quatro principais troféus entregues pelo júri foram para

Os 30 filmes mais aguardados de 2019

Greta Gerwig, Dee Rees, Glenda Nicácio, Desiree Akhavan, Marielle Heller e Gabriela Amaral Almeida são algumas das diretoras que devem chegar aos cinemas em 2019. O ano também será de lançamentos badalados dirigidos ou estrelados por mulheres, incluindo Capitã Marvel, Nós, As Panteras e X-Men: A Fênix Negra. Apoie: Colabore mensalmente com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo Retrospectiva: Os

10 filmes para conhecer o cinema de Agnès Varda

Nome fundamental da nouvelle vague, cineasta influente na ficção e no documentário, única mulher a ganhar a Palma de Ouro honorária, primeira diretora a ganhar o Oscar pelo conjunto da obra. Estes são apenas algumas das muitas formas de tentar definir a carreira da belga Agnès Varda, que completa 90 anos nesta quarta-feira (30). Vídeo: Veja o discurso de Agnès Varda ao

Top