Mulheres dirigiram 34% dos documentários que buscam indicação ao Oscar

Cinquenta e quatro dos 159 filmes que buscam uma indicação ao Oscar de melhor documentário foram dirigidos ou codirigidos por mulheres, segundo levantamento feito pelo Mulher no Cinema a partir da lista divulgada pela Academia de Ciências Cinematográficas. Leia também: Mulheres dirigiram 30% dos candidatos ao Oscar de filme internacional Saiba mais: Mulheres dirigiram 5 dos 32 filmes que buscam Oscar de animação Trata-se de uma proporção de cerca

“The Souvenir” é o melhor filme de 2019 segundo a “Sight & Sound”

A revista britânica Sight & Sound escolheu The Souvenir, de Joanna Hogg, como o melhor filme de 2019. No total, 17 dos 50 títulos escolhidos pelos colaboradores da publicação são dirigidos por mulheres. Leia também: Os 100 melhores filmes dirigidos por mulheres de todos os tempos Saiba mais: Veja mais listas com dicas de filmes dirigidos por mulheres Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a

Dirigido por Mati Diop e premiado em Cannes, “Atlantique” chega à Netflix

Primeiro longa da diretora francesa de origem senegalesa Mati Diop, Atlantique chegou nesta sexta-feira (29) ao catálogo da Netflix. O filme ganhou o Grand Prix no Festival de Cannes deste ano e é o candidato de Senegal a uma indicação ao Oscar de melhor filme internacional. Saiba mais: Todas as diretoras que concorreram ao Oscar de filme internacional Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse

“Zama” é melhor filme da década em votação do Festival de Toronto

Dirigido pela argentina Lucrecia Martel, Zama encabeçou a lista de melhores filmes da década divulgada pelo Festival de Toronto. A cinemateca do festival convidou curadores, historiadores, programadores e arquivistas a participar da votação, que aceitava tanto curtas quanto longas-metragens. Leia também: Os 100 melhores filmes dirigidos por mulheres de todos os tempos Saiba mais: Veja mais listas com dicas de filmes dirigidos por mulheres Apoie: Colabore

‘Mulan’ vem aí: o que a diretora Niki Caro contou sobre o novo live-action

Doze anos e muitos milhões de dólares separam Encantadora de Baleias (2002), o filme que colocou a diretora neozelandesa Niki Caro no mapa do cinema mundial, e Mulan (2020), seu mais recente trabalho, que estreia nos cinemas em março. Elogiado pela crítica e indicado ao Oscar de melhor atriz, Encantadora de Baleias foi rodado com apenas US$ 3,5 milhões. Já

“A Vida Invisível” é indicado ao Spirit Awards de melhor filme internacional

Ganhador da mostra Um Certo Olhar no último Festival de Cannes, o longa brasileiro A Vida Invisível foi indicado ao Film Independent Spirit Awards, a principal premiação do cinema independente nos Estados Unidos, na categoria de melhor filme internacional. Dirigido por Karim Aïnouz e estrelado pelas atrizes Carol Duarte e Julia Stockler, A Vida Invisível é o candidato do Brasil ao Oscar de filme internacional

Com Olivia Colman, terceira temporada de “The Crown” já está disponível na Netflix

Todos os episódios da terceira temporada de The Crown, que agora tem Olivia Colman como rainha Elizabeth 2ª, chegaram ao catálogo da Netflix neste domingo (17). Nas duas primeiras temporadas, o papel principal foi de Claire Foy, premiada com o Globo de Ouro e o Emmy. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo The Crown narra a história da rainha Elizabeth 2ª desde seu casamento, em

“Rafiki”: conheça o filme que fez história em Cannes e foi banido no Quênia

Com mulheres em frente e por trás das câmeras, o drama queniano Rafiki fez história no principal festival de cinema do mundo, foi banido em seu país de origem e conquistou plateias por toda parte. Agora, o longa de Wanuri Kahiu chega à programação do Telecine, e pode ser visto pelo direto na internet - clicando aqui. Leia também: 7 filmes

Dirigidos por mulheres, “Dente de Leite” e “System Crasher” vencem a Mostra

Dois filmes dirigidos por mulheres dividiram o Troféu Bandeira Paulista de melhor ficção, o principal prêmio da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, encerrada nesta quarta-feira (30). Dente de Leite, da australiana Shannon Murphy, e System Crasher, da alemã Nora Fingscheidt, foram os grandes vencedores. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo Na Mostra Internacional de Cinema em São Paulo competem apenas filmes

Mulheres dirigiram 17% dos filmes europeus entre 2003 e 2017, diz estudo

Mulheres dirigiram 17% dos filmes produzidos e lançados nos cinemas da Europa entre 2003 e 2017, apontou um novo estudo do Observatório Europeu do Audiovisual. A porcentagem se refere a títulos exclusivamente realizados por mulheres, sem codireções, e representa 3.618 longas. Apoie: Colabore mensalmente com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo O estudo mostrou que o número de longas-metragens europeus dirigidos por mulheres

Top