Apoie as mulheres do cinema vendo um filme de diretora por semana

Você aceita assistir a um filme dirigido por mulher por semana durante um ano? É esta a proposta da campanha #52FilmsByWomen, lançada pela organização Women in Film and Television (WIF). “Quando você procura ‘cineasta’ no Google, encontra um monte de homens. Quando pergunta para as pessoas quais cineastas conhecem, a maioria só menciona homens. Então queria achar uma forma de tornar as diretoras

Quem é Emerald Fennell, a atriz e diretora que está com tudo na TV e no cinema

Quem é Emerald Fennell? Muitas pessoas se fizeram esta pergunta no final de 2018, quando a atriz foi anunciada como a intérprete de Camila Parker Bowles, atual mulher do Príncipe Charles, na terceira temporada da série The Crown. Outras pessoas estão se fazendo a mesma pergunta agora, depois do sucesso que o primeiro longa de Fennel como diretora, Bela Vingança,

5 filmes dirigidos por mulheres para ver no streaming em março

Todos os meses o Mulher no Cinema publica uma lista com dicas de filmes dirigidos por mulheres para assistir online, em plataformas como Netflix, Amazon Prime, HBO Go, Now, Google Play, Telecine e YouTube. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo #52FilmsByWomen: Apoie as mulheres do cinema vendo um filme por semana São títulos de diferentes gêneros, que mostram a variedade do trabalho

Veja o trailer de “A Lenda de Candyman”, filme de terror dirigido por Nia DaCosta

Foi divulgado o primeiro trailer legendado de A Lenda de Candyman, longa dirigido por Nia DaCosta (de Little Woods) e produzido por Jordan Peele (de Corra! e Nós). Com estreia marcada para 11 de junho no Brasil, Candyman entrou para a lista do Mulher no Cinema de filmes mais aguardados de 2020. Leia também: 30 filmes dirigidos ou protagonizados por mulheres para não perder

Dominga Sotomayor: “Quero documentar as emoções, não os grandes eventos”

"Transição" é a palavra-chave de Tarde para Morrer Jovem, filme que estreia nesta quinta-feira (27) nos cinemas brasileiros, e que em 2018 fez da cineasta chilena Dominga Sotomayor a primeira mulher a ganhar o prêmio de direção no Festival de Locarno. Primeiro, há a transição de um país: a história se passa no verão de 1990, pouco depois da queda do

Filme de Dee Rees baseado em Joan Didion chega ao catálogo da Netflix

O novo filme da diretora americana Dee Rees chegou nesta sexta-feira (21) ao catálogo da Netflix: A Última Coisa que ele Queria, uma adaptação do romance da escritora Joan Didion. O roteiro também foi escrito por Dee Rees, em uma parceria com Marco Villalobos.  Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo Esta é a segunda colaboração de Dee Rees com

Festival de Berlim tem seis diretoras e um filme brasileiro na competição principal

Seis filmes dirigidos ou codirigidos por mulheres estão entre os 18 que concorrerão ao Urso de Ouro na edição 2020 do Festival de Berlim, que começa nesta quinta-feira (20). A competição principal também inclui Todos os Mortos, de Caetano Gotardo e Marco Dutra, um dos 19 filmes brasileiros selecionados. Saiba mais: Quem é Mariette Rissenbeek, a nova diretora executiva da Berlinale? Apoie: Colabore com o Mulher

20 diretoras para conhecer o cinema da Coreia do Sul

A histórica vitória de Parasita no Oscar deixou muita gente com vontade de assistir a mais filmes sul-coreanos. O cinema do país vem sendo celebrado nos festivais internacionais há anos, mas os nomes mais conhecidos são de cineastas homens, como Bong Joon-ho, Park Chan-wook, Hong Sang-soo, Lee Chang-dong e Kim Ki-duk. Leia também: 7 filmes para conhecer diretoras fora de Hollywood Apoie: Colabore

5 filmes dirigidos por mulheres para ver no streaming em fevereiro

Todos os meses o Mulher no Cinema publica uma lista com dicas de filmes dirigidos por mulheres para assistir online, em plataformas como Netflix, Amazon Prime, HBO Go, Now, Google Play, Telecine e YouTube. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo #52FilmsByWomen: Apoie as mulheres do cinema vendo um filme por semana São títulos de diferentes gêneros, que mostram a variedade do trabalho

“The Farewell”, de Lulu Wang, ganha Spirit Awards, o Oscar do cinema independente

The Farewell, longa da diretora Lulu Wang, foi o grande ganhador da edição deste ano do Independent Spirit Awards, conhecido como o Oscar do cinema independente americano. A premiação foi realizada neste sábado (8), um dia antes da entrega do prêmio da Academia, que não indicou The Farewell em nenhuma categoria. Guia do Oscar: Tudo o que você precisa saber sobre as

Top