Exclusivo: Veja uma cena de “Antonia – Uma Sinfonia”, filme sobre a pioneira regente Antonia Brico

A pioneira regente holandesa-americana Antonia Brico (1902-1989) é tema de Antonia - Uma Sinfonia, cinebiografia escrita e dirigida por Maria Peters. O filme estreia em 21 de agosto nas plataformas Now, Claro Vídeo, Vivo Play, iTunes, Apple TV, Google Play, YouTube Filmes e Sky Play. Leia também: 10 filmes com mulheres na direção de fotografia para ver em casa Apoie: Colabore com

Diretoras brasileiras recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres

Você sabia que em 7 de agosto se comemora o Dia Nacional do Documentário Brasileiro? Criada para dar mais visibilidade ao gênero, a data foi definida pela Associação Brasileira de Documentaristas e homenageia o dia de nascimento do cineasta baiano Olney São Paulo (1936-1978). Leia também: Conheça três documentários sobre mulheres em busca de mudançaSaiba mais: 17 documentários musicais sobre mulheres

Ava DuVernay é a primeira diretora a ganhar o Gish Prize, criado por Lillian Gish

Ava DuVernay é a quarta cineasta e a primeira cineasta mulher a ganhar o Dorothy and Lillian Gish Prize, um dos prêmios de maior prestígio entregue a artistas nos Estados Unidos. O prêmio de US$ 250 mil é dado a um artista "que ampliou limites, contribuiu para a mudança social e abriu caminho para a próxima geração". Entrevista: Mercedes Cooper fala sobre como

5 filmes dirigidos por mulheres para ver no streaming em agosto

Todos os meses o Mulher no Cinema publica uma lista com dicas de filmes dirigidos por mulheres que você pode assistir online, em plataformas como Netflix, Amazon Prime Video, HBO Go, Now, Telecine, Belas à La Carte, Google Play, iTunes e YouTube, entre outras. Leia também: 10 filmes com mulheres na direção de fotografia para ver online Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso

Lynn Shelton recebe indicação póstuma ao Emmy por “Little Fires Everywhere”

A diretora americana Lynn Shelton (1965-2020) recebeu uma indicação póstuma ao Emmy, o Oscar da televisão, pelo trabalho na série Little Fires Everywhere. Shelton morreu em maio, aos 54 anos, por causa de uma doença sanguínea que não havia sido previamente diagnosticada. Leia também: Emmy 2020 tem recorde de indicações para atrizes e atores negros Emmy 2020: Veja as mulheres indicadas nas principais categorias do prêmio Apoie: Colabore

Premiado em Berlim, “Meu Nome É Bagdá” terá sessão gratuita em drive-in de São Paulo

Dirigido por Caru Alves de Souza e premiado no Festival de Berlim, o longa Meu Nome É Bagdá terá sua primeira exibição no Brasil neste sábado (1º). O filme integra a programação do Drive-in Paradiso, que terá sessões gratuitas no estacionamento da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, localizado na Zona Sul da capital. Leia também: Meu Nome É Bagdá,

Dirigido por Gina Prince-Bythewood, “The Old Guard” já está disponível na Netflix

O novo filme da diretora Gina Prince-Bythewood chegou nesta sexta-feira (10) ao catálogo da Netflix. Trata-se do longa The Old Guard, baseado na série de quadrinhos de Greg Rucka e ilustrada por Leandro Fernandez. Leia também: 5 filmes dirigidos ou sobre mulheres negras para ver no streaming Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo A atriz Charlize Theron, também produtora do

Jennifer Hudson é Aretha Franklin no trailer legendado de “Respect”

A ganhadora do Oscar Jennifer Hudson é a protagonista de Respect: A História de Aretha Franklin, cinebiografia da cantora e compositora que morreu em 2018. O primeiro trailer legendado do filme, que estreia nos cinemas em fevereiro de 2021, foi divulgado pela Universal Pictures. Leia também: 5 filmes dirigidos ou sobre mulheres negras para ver no streaming Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e

5 filmes de diretoras para ver no streaming em julho

Todos os meses o Mulher no Cinema publica uma lista com dicas de filmes dirigidos por mulheres que você pode assistir online, em plataformas como Netflix, Amazon Prime Video, HBO Go, Now, Telecine, Belas à La Carte, Google Play, iTunes e YouTube, entre outras. Leia também: Dicas de filmes sobre mulheres que lutam por mudança Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo #52FilmsByWomen: Apoie

Morre Suzana Amaral, diretora e roteirista de “A Hora da Estrela”

A cineasta Suzana Amaral, diretora e roteirista do premiado A Hora da Estrela (1985), morreu nesta quinta-feira (25), em São Paulo. A causa da morte não foi divulgada, mas, segundo declaração da família ao jornal Folha de S.Paulo, não está ligada ao novo coronavírus (Covid-19). Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo Marco do cinema nacional, A Hora da

Top