Veja o cartaz de “O Livro dos Prazeres”, filme inspirado em Clarice Lispector

O Mulher no Cinema divulga com exclusividade o cartaz de O Livro dos Prazeres, longa-metragem da diretora Marcela Lordy que é livre adaptação da obra Uma Aprendizagem ou Livro dos Prazeres, de Clarice Lispector. O longa foi selecionado para a Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, que começa em 22 de outubro, e para o Festival de Vitória, marcado para 24 de

“Luz nos Trópicos”, de Paula Gaitán, vence o festival Olhar de Cinema

Luz nos Trópicos, novo filme da diretora Paula Gaitán, foi o grande ganhador da edição deste ano do Olhar de Cinema - Festival Internacional de Curitiba, encerrada nesta quinta-feira (15). A premiação, que assim como as exibições foi realizada online, foi dominada por filmes dirigidos por mulheres. Leia também: Veja as mulheres que ganharam o Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Apoie: Colabore com

Exclusivo: Veja o trailer de “Casa”, premiado filme da diretora Letícia Simões

Depois de rodar por festivais, o documentário Casa, dirigido por Letícia Simões, estreia no Petra Belas Artes em 12 de novembro e nas plataformas digitais em 3 de dezembro. O longa foi o grande vencedor do Festival de Cinema de Vitória e recebeu o prêmio da crítica no Olhar de Cinema do ano passado. Dicas: Cineastas recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres Entrevista: “Sempre haverá

Veja as mulheres ganhadoras do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2020

Sem Asas, de Renata Martins, foi o único filme dirigido por mulher premiado na edição 2020 do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, entregue neste domingo (11). Sem Asas ganhou o troféu de melhor curta-metragem de ficção, uma categoria na qual todos os cinco concorrentes tinham mulheres na direção. Entrevista: "Sempre haverá um jeito de fazer cinema", diz Sandra Kogut Apoie: Colabore com o

“Filhas de Lavadeiras” ganha prêmio de melhor curta brasileiro no É Tudo Verdade

Dirigido pela cineasta Edileuza Penha de Souza, Filhas de Lavadeiras ganhou o prêmio de melhor curta-metragem brasileiro na edição deste ano do É Tudo Verdade, o principal festival de documentários do Brasil. Dicas: Cineastas recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres Streaming: Três documentários sobre mulheres que lutam por mudança Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo O curta-metragem é inspirado na obra da

Atrizes negras dominam premiação do 48º Festival de Cinema de Gramado

Mulheres negras ganharam todos os prêmios femininos de atuação da competição nacional de longas do 48º Festival de Cinema de Gramado, encerrado neste sábado (26). Por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), neste ano o evento gaúcho realizou sessões online e no Canal Brasil. Entrevista: "Sempre haverá um jeito de fazer cinema", diz Sandra Kogut Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha

Com “Sementes”, diretoras destacam mulheres negras na política e no cinema

Um compreensível clima de decepção acompanha muitas das estreias de filmes e festivais que, por causa da pandemia, têm de ser realizadas na internet, e não nas salas de cinema. Mas não foi o que aconteceu na noite de 7 de setembro, quando o documentário Sementes: Mulheres Negras no Poder teve sua primeira exibição no YouTube. Em live pré-sessão, as

Sandra Kogut fala sobre “Três Verões” e impactos da pandemia: “Sempre haverá um jeito de fazer cinema”

Tudo estava preparado para que Três Verões, terceiro longa de ficção dirigido por Sandra Kogut, chegasse aos cinemas brasileiros em 19 de março. O filme tinha feito sua estreia mundial em um festival internacional importante (o de Toronto, no Canadá) e sido selecionado por festivais brasileiros. A diretora passara um dia inteiro atendendo a imprensa em São Paulo (SP). As

Anne Mota sobre “Alice Júnior”: “Pessoas trans devem protagonizar suas histórias”

Anne Celestino Mota tinha 12 anos quando encontrou, no YouTube, um filme que marcaria sua vida. Era My Secret Self, um programa documental exibido pela rede americana ABC em 2007 e que conta histórias de pessoas trans com seis, dez e 16 anos de idade. Até então, Anne não conhecia o termo "transgênero". Mas ali, diante da tela do computador,

Competição brasileira de Gramado terá três filmes dirigidos por mulheres

Três filmes dirigidos por mulheres estão entre os sete longas-metragens na competição brasileira do Festival de Cinema de Gramado, que neste ano será online e entre os dias 18 a 26 de setembro. Os filmes dirigidos por mulheres são a ficção Por que Você Não Chora?, de Cibele Amaral, e os documentários Me Chama que Eu Vou, de Joana Mariani, e

Top