Globo de Ouro 2021: Veja as mulheres indicadas ao prêmio deste ano

Depois de cinco anos sem indicar nenhuma mulher ao prêmio de direção, em 2021 o Globo de Ouro fez história ao reconhecer mais mulheres do que homens na categoria. A forte presença das diretoras foi o grande destaque das indicações ao troféu deste ano, anunciadas nesta quarta-feira (3). Leia também: Mulheres são maioria na disputa pelo Globo de Ouro de direção Apoie: Colabore

Pela primeira vez, mulheres são maioria na disputa pelo Globo de Ouro de direção

Mais mulheres do que homens estão na disputa pelo prêmio de direção na edição deste ano do Globo de Ouro. A indicação de três mulheres na categoria - duas delas, não brancas - marca a primeira vez em que mais de uma diretora é indicada nos 78 anos de história da premiação. Saiba mais: Veja todas as mulheres indicadas ao Globo

Leia o discurso de Michelle Williams no Globo de Ouro – em português

Depois de defender igualdade salarial no palco do Emmy, a atriz Michelle Williams aproveitou sua vitória no Globo de Ouro para convocar as mulheres americanas a votarem de acordo com seus próprios interesses, citando especificamente a questão do aborto. Leia também: Globo de Ouro premia Fleabag, Renée Zellwegger e Awkwafina Saiba mais: Awkwafina faz história ao ganhar Globo de Ouro de melhor

Awkwafina é 1ª mulher de origem asiática a ganhar Globo de Ouro de melhor atriz

Awkwafina tornou-se a primeira americana de origem asiática a ganhar o Globo de Ouro de melhor atriz, informou o jornal New York Times. Na cerimônia deste domingo, a atriz levou o prêmio na categoria de comédia pelo trabalho em The Farewell, dirigido por Lulu Wang. Globo de Ouro: Leia o discurso de Michelle Williams na íntegra e em português Leia também: Globo

Hildur Guðnadóttir é 1ª mulher a ganhar sozinha o Globo de Ouro de trilha sonora

A islandesa Hildur Guðnadóttir fez história no Globo de Ouro neste domingo (5): tornou-se a primeira mulher a vencer sozinha na categoria de trilha sonora original. Ela foi reconhecida pelo trabalho em Coringa.  Globo de Ouro: Leia o discurso de Michelle Williams na íntegra e em português Saiba mais: Awkwafina faz história ao ganhar Globo de Ouro de melhor atriz Leia também: Globo de

Globo de Ouro premia “Fleabag”, Renée Zellweger, Awkwafina e Laura Dern

Phoebe Waller-Bridge, Renée Zellweger, Awkwafina e Laura Dern foram algumas das mulheres premiadas na edição deste ano do Globo de Ouro, realizada neste domingo (5) em Los Angeles. Sem mulheres indicadas nas principais categorias - direção, roteiro, filme dramático e filme de comédia ou musical -,  a cerimônia basicamente consagrou atrizes do cinema e da televisão. Globo de Ouro: Hildur Guðnadóttir

Globo de Ouro 2020: Veja todas as mulheres que concorrem ao prêmio

Phoebe Waller-Bridge, Cynthia Erivo, Jennifer Lopez e Natasha Lyonne são algumas das mulheres que concorrem ao Globo de Ouro deste ano. A cerimônia deste domingo (5) será transmitida a partir das 22h pelo canal a cabo TNT e o Mulher no Cinema faz comentários ao vivo a partir das 20h no Twitter. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo A edição deste

Globo de Ouro ignora mulheres nas categorias de filme, roteiro e direção

O Globo de Ouro deu continuidade ao seu péssimo histórico no que diz respeito ao reconhecimento do trabalho das mulheres por trás das câmeras: em 2019, nenhuma mulher vai disputar o prêmio na categoria de direção, roteiro, filme dramático e filme de comédia ou musical.  Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo Anunciadas nesta segunda-feira (9), as indicações só

5 momentos em que as mulheres brilharam no Globo de Ouro

O Globo de Ouro deste ano passou longe de ser tão eletrizante quanto o de 2018, quando as mulheres tomaram conta da cerimônia, e fez feio ao não premiar um único filme dirigido por mulher em nenhuma de suas categorias (nem as de atuação). Mas isso não significa que as mulheres deixaram de protagonizar bons momentos na cerimônia, realizada neste domingo (6). Leia

Globo de Ouro celebra atrizes, mas ignora filmes dirigidos por mulheres

Glenn Close, Olivia Colman, Regina King e Sandra Oh foram algumas das vencedoras da edição deste ano do Globo de Ouro. Realizada neste domingo (6) em Los Angeles, a cerimônia não premiou um único filme dirigido por mulher - em nenhuma categoria, nem mesmo as de atuação. As indicações já sinalizavam para isso: em primeiro lugar, não havia nenhuma cineasta na

Top