Os filmes dirigidos ou estrelados por mulheres para ver no 2º semestre

Chegamos à metade de 2019 e muitos dos principais lançamentos do ano já estrearam nos cinemas. Mas o segundo semestre do ano ainda reserva vários filmes aguardados, da cinebiografia da apresentadora Hebe Camargo (1929-2012) ao novo episódio da saga Star Wars.

Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo

O Mulher no Cinema reuniu filmes bastante diferentes entre si, mas com algo em comum: todos são dirigidos e/ou estrelados por mulheres e estão previstos para chegar às salas brasileiras entre os meses de agosto e dezembro deste ano. Confira no vídeo e no texto abaixo:

Rainhas do Crime – Estreia em 8 de agosto
Melissa McCarthy, Elisabeth Moss e Tiffany Haddish estão no elenco deste longa que remete ao recente As Viúvas. Ambientado na Nova York dos anos 1970, o filme acompanha mulheres que decidem continuar as operações de seus maridos gângsters após eles serem presos. É a estreia na direção de Andrea Berloff, indicada ao Oscar de roteiro por Straight Outta Compton: A História do N.W.A. (2015).

Filhas do Sol Estreia em 15 de agosto
Exibido em competição no Festival de Cannes do ano passado, o longa de Eva Husson foi um dos destaques do Festival Varilux. O filme conta a história de Bahar, comandante de um batalhão de mulheres. Ela quer liberar uma cidade do Curdistão controlada por extremistas e encontrar seu filho, que é mantido refém.

VisionEstreia em 12 de setembro
A premiada diretora japonesa Naomi Kawase se une à atriz francesa Juliette Binoche para contar a história de Joan, uma jornalista que deixa a França para buscar uma rara erva medicinal no Japão. A erva, que só nasce a cada 997 anos, promete curar toda a angústia e fraqueza espiritual da humanidade.

Hebe: A Estrela do Brasil – Estreia em 26 de setembro
A cinebiografia de Hebe Camargo foca especialmente na década de 1980, quando a apresentadora passou a ter maior controle sobre sua carreira. A atriz Andréa Beltrão é a protagonista do filme, que tem roteiro de Carolina Kotscho (de Dois Filhos de Francisco). A direção é de Maurício Farias.

Deixe um comentário

Top