Dirigido por Bárbara Paz, “Babenco” é o candidato do Brasil ao Oscar

Dirigido por Bárbara Paz, Babenco – Alguém Tem que Ouvir o Coração e Dizer: Parou será o candidato do Brasil a uma indicação ao Oscar de filme internacional em 2021. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (18) pela Academia Brasileira de Cinema, responsável pela decisão desde 2017. Entrevista: “Sempre haverá um jeito de fazer cinema”, diz Sandra Kogut Saiba mais: Todas as mulheres que disputaram o

Veja o trailer de “Saudade Mundão”, filme sobre solidariedade entre pessoas presas

As diretoras Julia Hannud e Catharina Scarpellini estreiam no longa-metragem com Saudade Mundão, documentário que retrata a solidariedade entre pessoas presas na Cadeia Pública Feminina de Franca, no estado de São Paulo. O filme estreia no mês de dezembro em plataformas digitais e cinemas drive-in e o Mulher no Cinema divulga o trailer em primeira mão (veja abaixo). Leia também: Descoloniza

Veja o trailer de “O Ponto Firme”, filme de Laura Artigas que estreia online na SPFW

Dirigido por Laura Artigas, o documentário O Ponto Firme poderá ser visto online e gratuitamente por 48 horas durante a São Paulo Fashion Week. O link para assistir ao filme será divulgado na quarta-feira (4), às 18h, no perfil do documentário no Instagram, e ficará disponível até sexta-feira (6). Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo O documentário acompanha a

Documentário recupera trajetória de Alice Guy-Blaché, primeira cineasta da história

Alice Guy-Blaché trabalhava como secretária na companhia francesa Gaumont quando, em 1895, foi a uma das históricas exibições dos irmãos Lumière que depois seriam consideradas o marco inicial do cinema. Os filmes daquele primeiro momento eram breves registros de cenas da vida - pessoas saindo de uma fábrica, um trem chegando à estação. Mas Guy-Blaché, que era filha de um

Joyce Prado fala sobre “Chico Rei Entre Nós” e novas perspectivas à história oficial

Um diálogo entre passado e presente conduz a narrativa de Chico Rei Entre Nós, primeiro longa-metragem da diretora Joyce Prado, que integra a programação da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo e pode ser visto online em todo o Brasil. Como o título indica, o documentário investiga o legado de Chico Rei e os ecos da escravidão na sociedade

Exclusivo: Veja o trailer de “Casa”, premiado filme da diretora Letícia Simões

Depois de rodar por festivais, o documentário Casa, dirigido por Letícia Simões, estreia no Petra Belas Artes em 12 de novembro e nas plataformas digitais em 3 de dezembro. O longa foi o grande vencedor do Festival de Cinema de Vitória e recebeu o prêmio da crítica no Olhar de Cinema do ano passado. Dicas: Cineastas recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres Entrevista: “Sempre haverá

“Filhas de Lavadeiras” ganha prêmio de melhor curta brasileiro no É Tudo Verdade

Dirigido pela cineasta Edileuza Penha de Souza, Filhas de Lavadeiras ganhou o prêmio de melhor curta-metragem brasileiro na edição deste ano do É Tudo Verdade, o principal festival de documentários do Brasil. Dicas: Cineastas recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres Streaming: Três documentários sobre mulheres que lutam por mudança Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo O curta-metragem é inspirado na obra da

Com “Sementes”, diretoras destacam mulheres negras na política e no cinema

Um compreensível clima de decepção acompanha muitas das estreias de filmes e festivais que, por causa da pandemia, têm de ser realizadas na internet, e não nas salas de cinema. Mas não foi o que aconteceu na noite de 7 de setembro, quando o documentário Sementes: Mulheres Pretas no Poder teve sua primeira exibição no YouTube. Em live pré-sessão, as

7 documentários dirigidos por mulheres para ver no É Tudo Verdade

Principal festival dedicado ao documentário no Brasil, o É Tudo Verdade desta vez será online: de 23 de setembro a 4 de outubro, o público poderá assistir a 60 filmes gratuitamente no www.etudoverdade.com.br Dicas: Cineastas recomendam documentários nacionais dirigidos por mulheres Streaming: Três documentários sobre mulheres que lutam por mudança Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo As exibições seguem diferentes

Ícone feminista, Ruth Bader Ginsburg foi tema de filmes disponíveis no streaming

A trajetória da juíza americana Ruth Bader Ginsburg (1933-2020), que morreu nesta sexta-feira (18) aos 87 anos, foi extraordinária. Em 1993, durante o governo Bill Clinton e após uma longa carreira de combate à desigualdade de gênero, ela se tornou a segunda de quatro mulheres que chegaram à Suprema Corte dos Estados Unidos. Em quase três décadas de atuação no

Top