Os 10 melhores filmes de mulheres ou sobre mulheres de 2017

O fim do ano chegou e com ele as tradicionais listas de melhores filmes do ano. Eu também resolvi fazer a minha, com dez títulos dirigidos por mulheres ou centrados em personagens femininas que ficaram na minha memória em 2017. A única regra: que tenham estreado comercialmente nos cinemas brasileiros entre janeiro e dezembro. Leia também: Diretoras brasileiras escolhem os melhores filmes

5 filmes de diretoras para ver em dezembro na Netflix

Todo mês o Mulher no Cinema escolhe cinco filmes dirigidos por mulheres que podem ser vistos em casa mesmo, no conforto da Netflix. São títulos de diferentes gêneros, que mostram a variedade da produção feminina e ajudam naqueles dias em que a vontade de ver um filme é grande, mas a inspiração não vem. Veja os destaques do mês de dezembro: "Beyoncé: Life Is

As mulheres de “Alias Grace”: conheça a equipe em frente e por trás das câmeras

Um talentoso time de mulheres canadenses está por trás de Alias Grace, minissérie que estreou em novembro na Netflix e foi desenvolvida em parceria com a rede CBC. Com seis episódios, o programa é inspirado na história real de Grace Marks (1828-1873), presa sob acusação de assassinar o patrão e a governanta da casa em que trabalhava no Canadá. Crítica: Alias Grace explora ambiguidade

Alice Riff sobre “Meu Corpo É Político”: “Quis fazer um filme sobre pessoas vivas”

Paula toma café da manhã com a mãe antes de sair para trabalhar. Linn usa transporte público para ir até um estúdio. Fernando assiste às aulas da faculdade. Giu sai com os amigos para dançar. Ações cotidianas como estas são retratadas por Meu Corpo É Político, documentário de Alice Riff sobre quatro militantes LGBT que vivem na periferia da capital

Joana Henning fala sobre mercado e novas janelas: “VOD não é vilão”

Apesar de existir há dois anos, a produtora Escarlate chegou oficialmente ao mercado brasileiro em 2017, colocando o cinema como prioridade. Cerca de 80% dos projetos da empresa são voltados ao audiovisual, e o primeiro longa, De Perto Ela Não É Normal, é inspirado no monólogo escrito e estrelado por Suzana Pires e será filmado no início de 2018. À frente da Escarlate

17 documentários musicais sobre mulheres – e uma playlist para ouvi-las!

Whitney Houston, Lady Gaga, Nina Simone, Elza Soares, Janis Joplin: documentários recentes sobre estas e outras cantoras têm mostrado que os talentos femininos da música são um prato cheio para o cinema. Veja também: 40 documentários dirigidos por mulheres para assistir na Netflix Pensando nisso, fizemos uma dobradinha sobre o tema: além de listar documentários sobre mulheres da música lançados nos últimos dez

Danielle Macdonald é aspirante a rapper no trailer de “Patti Cake$”

Exibido no Festival de Sundance e selecionado para o Festival do Rio, Patti Cake$ já tem data para chegar aos cinemas brasileiros: 30 de novembro. O filme é protagonizado pela atriz Danielle Macdonald, de Um Passado Sombrio (2014). Ela interpreta Patricia “Killa P” Dombrowski, aspirante a rapper de Nova Jersey que sonha em fazer fama e fortuna com suas rimas. Junto

Top