Veja as mulheres premiadas no Festival de Brasília

A premiação do Festival de Brasília, realizada neste domingo (23), refletiu a forte presença de mulheres na mostra competitiva de longa-metragem. Embora o principal troféu de melhor filme tenha sido entregue para Temporada, de André Novais de Oliveira, profissionais femininas foram lembradas em categorias como direção, fotografia, som e montagem. Premiada como diretora, Beatriz Seigner também recebeu o troféu da crítica

Primeiro longa de Adina Pintilie ganha Urso de Ouro em Berlim

Pelo segundo ano consecutivo, um filme dirigido por mulher foi o grande ganhador do Festival de Berlim. Touch Me Not, da diretora romena Adina Pintilie, venceu o Urso de Ouro na edição deste ano, encerrada nesta sábado (24). Leia também: Documentário sobre Linn da Quebrada ganha Teddy Award em Berlim Primeiro longa-metragem de Pintilie, Touch Me Not é centrado em uma mulher

“Bixa Travesty” ganha Teddy Awards de melhor documentário

Dirigido por Claudia Priscilla e Kiko Goifman, Bixa Travesty ganhou o troféu de melhor documentário no Teddy Awards, premiação que destaca filmes com temática LGBT no Festival de Berlim. O longa conta a história da artista Linn da Quebrada, que volta a aparecer no cinema depois de ser uma das personagens de Meu Corpo É Político, de Alice Riff. O júri do

Top