Cotada para o Oscar, Glenn Close merece mais do que “A Esposa”

A Esposa é o título do filme que pode finalmente dar um Oscar à atriz Glenn Close, dona de uma carreira de mais de quatro décadas, muitos papéis marcantes e seis indicações à estatueta. "A esposa", assim entre aspas, também é como se convencionou chamar um dos personagens femininos mais recorrentes em Hollywood (atrás apenas, talvez, de "a mãe"). Artistas das mais

Estreias da semana: as mulheres que chegam às salas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e/ou centrados em mulheres que chegam às salas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 10 de janeiro. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo exclusivo Leia também: Ama-San cria atmosfera lírica para mostrar vida de pescadoras japonesas "Ama-San" [Portugal/Japão, 2016] Documentário que acompanha Matsumi, Mayumi e Masumi, japonesas que vivem em

5 momentos em que as mulheres brilharam no Globo de Ouro

O Globo de Ouro deste ano passou longe de ser tão eletrizante quanto o de 2018, quando as mulheres tomaram conta da cerimônia, e fez feio ao não premiar um único filme dirigido por mulher em nenhuma de suas categorias (nem as de atuação). Mas isso não significa que as mulheres deixaram de protagonizar bons momentos na cerimônia, realizada neste domingo (6). Leia

Leia o discurso de Glenn Close no Globo de Ouro na íntegra e em português

Glenn Close fez o discurso mais marcante do Globo de Ouro 2019, realizado neste domingo (6), ao receber o prêmio de melhor atriz de drama por A Esposa. Visivelmente surpresa (muitos apostavam na vitória de Lady Gaga, por Nasce Uma Estrela), ela se emocionou ao estabelecer um paralelo entre sua mãe e sua personagem. Leia também: Globo de Ouro celebra atrizes,

Rapidinhas: as novas de Robin Wright, Reese Witherspoon e mais

+ Robin Wright e Reese Witherspoon vão colaborar em uma série de televisão sobre as primeiras-damas dos Estados Unidos, baseada no livro First Women: The Grace & Power Of America’s Modern First Ladies, escrito por Kate Andersen Brower. Wright será produtora executiva e vai dirigir o episódio piloto, enquanto Witherspoon será responsável pela produção por meio de sua empresa, a Pacific

Top