#52FilmsByWomen de maio: Teresa Villaverde, Anocha Suwichakornpong, Moufida Tlatli, Mia Hansen-Løve, Joanna Coates

Maio foi um mês imenso, que só acabou agora, quando o Festival de Cannes enfim concedeu o prêmio de direção a uma mulher, após 56 anos: Sofia Coppola ganhou por O Estranho que Nós Amamos, um dos filmes que mais quero ver nesse ano. Maio também foi o mês em que adicionamos cinco filmes feitos por diretoras à campanha #52FilmsByWomen. O primeiro visto

Estreias da semana: as mulheres que chegam às salas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e centrados em mulheres que chegam aos cinemas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 22 de dezembro. "Minha Mãe é Uma Peça 2" [Brasil, 2016] Sequência da comédia inspirada na peça teatral de Paulo Gustavo sobre Dona Hermínia, uma mãe irreverente. Desta vez, ela lida com a visita da irmã,

5 filmes de mulheres ou sobre mulheres para ver no INDIE SP

Depois de passar por Belo Horizonte no início do mês, o INDIE Festival chega nesta quinta-feira (15) à São Paulo. O evento é dedicado ao cinema independente e fica em cartaz até o dia 21, com sessões no CineSesc (Rua Augusta, 2.075). Selecionamos cinco filmes dirigidos ou estrelados por mulheres que estão na programação. Consulte horários no site do festival. "Happy Hour" [Japão, 2015] As amigas Atari,

5 filmes para não perder no INDIE Festival de Belo Horizonte

O cinema independente toma conta de Belo Horizonte a partir desta quinta-feira (1°), com a chegada do INDIE Festival à capital mineira. Até o dia 7, exibições com entrada franca ocorrem no Cine Humberto Mauro e no SESC Palladium. Depois, de 15 a 21 de setembro, o INDIE vai a São Paulo. Para o pessoal de BH, escolhemos cinco filmes dirigidos ou estrelados por mulheres

Festival de Berlim: Mia Hansen-Love ganha prêmio de direção

A francesa Mia Hansen-Love ganhou o prêmio de melhor direção no Festival de Berlim, encerrado neste sábado (20), pelo filme L'avenir. No longa, Isabelle Huppert interpreta uma professora de filosofia que enfrenta diferentes crises: a morte da mãe, a demissão do emprego e a descoberta da traição do marido. Hansen-Love dirigiu O Pai dos Meus Filhos, Adeus, Primeiro Amor e Eden, entre outros.

Top