Sofia Coppola ganha prêmio de direção em Cannes

A americana Sofia Coppola ganhou o prêmio de direção no Festival de Cannes, encerrado neste domingo (28). A diretora de O Estranho que Nós Amamos era uma das três mulheres com filmes na competição, ao lado de Naomi Kawase e Lynne Ramsay. A diretora não estava presente à premiação, mas teve seu discurso de agradecimento lido por Maren Ade, integrante do júri que competiu

Guia de Cannes: os filmes dirigidos por mulheres que estão no festival

Anos e anos de baixa representação feminina acabaram transformando o Festival de Cannes em um importante palco internacional para as discussões sobre a igualdade de gênero no cinema. Não deve ser diferente na atual edição, que começa nesta quarta-feira (17) e tem apenas três filmes dirigidos por mulheres entre os 19 que disputam a Palma de Ouro. O número é similar ao

Apenas três diretoras competirão pela Palma de Ouro em Cannes

Mulheres dirigiram apenas três dos 18 filmes que estarão na competição principal do Festival de Cannes deste ano, que ocorre de 17 a 28 de maio. São eles: O Estranho que Nós Amamos, de Sofia Coppola; Radiance, de Naomi Kawase; e You Were Never Really Here, de Lynne Ramsay, que ainda está em fase de finalização. É mais um ano de baixa presença feminina na

Rapidinhas: as novas de Diane Keaton, Melissa McCarthy e mais

+ Diane Keaton entrou para o elenco de "The Young Pope", minissérie de oito episódios que o diretor Paolo Sorrentino fará para a HBO. Em seu primeiro papel na TV desde 2006, ela será uma freira americana que vive no Vaticano. Via BBC + Melissa McCarthy e o marido Ben Falcone vão escrever um piloto de uma série chamada "Friends With Melissa"

5 filmes dirigidos por mulheres para ver este mês na Netflix

Todo mês o Mulher no Cinema lista longas dirigidos por mulheres para serem vistos em casa mesmo, no conforto da Netflix. São títulos de diferentes gêneros, que mostram a diversidade da produção feminina e ajudam naqueles dias em que a vontade de ver um filme é grande, mas a inspiração não vem. Veja os destaques do mês de julho: "Julie & Julia" [EUA, 2009] Nora Ephron intercala a

Top