Estreias da semana: as mulheres que chegam às telas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e centrados em mulheres que chegam aos cinemas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 31 de agosto.


“Atômica”
[Atomic Blonde, Alemanha/Suécia/EUA]
Inspirado nos quadrinhos The Coldest City, tem Charlize Theron como Lorraine Broughton, uma agente do MI6 (agência de inteligência britânica), que é enviada a Berlim em plena Guerra Fria para recuperar um dossiê. Direção de David Leitch.


“150 Miligramas”
[La fille de Brest, França, 2016]
A médica Irène Frachon enfrenta a indústria farmacêutica depois de o consumo de um medicamento há mais de 30 anos no mercado provocar mortes. Estrelado por Sidse Babett Knudsen, o filme foi escrito e dirigido por Emmanuelle Bercot.


“Como Nossos Pais”
[Brasil, 2017]
Dirigido por Laís Bodanzky – de Bicho de Sete Cabeças (2000) e As Melhores Coisas do Mundo (2010) – o filme acompanha Rosa (Maria Ribeiro) em um momento de conflito. Após uma revelação inesperada, ela passa a refletir sobre a carreira, as dificuldades do casamento, a relação com suas filhas e com sua mãe. Leia entrevista com a diretora.


“David Lynch: A Vida de um Artista”
[David Lynch: The Art Life, EUA/Dinamarca, 2016]
Documentário de Olivia Neergaard-Holm, Rick Barnes e Jon Nguyen sobre o diretor David Lynch, criador da série Twin Peaks e diretor de filmes como Veludo Azul (1986), Estrada Perdida (1997) e Cidade dos Sonhos (2001). Da criação em uma pequena cidade de Montana às sombrias ruas da Filadélfia, o cineasta discute os acontecimentos que moldaram sua arte.


“Entrelinhas”
[The Unattainable Story, EUA, 2016]
Na noite de estreia de uma peça teatral, o diretor, Skene, tem uma epifania sobre como a obra se construiu. Enquanto reflete sobre sua colaboração com a autora do texto, Jacqueline, ele suspeita que foi manipulado para dirigir a produção do jeito que ela queria e de modo a estimular a criatividade dela. Dirigido por Emilia Ferreira. Leia entrevista com a diretora.


Observação: alguns filmes não estreiam em todas as praças. Consulte a programação da sua cidade.

Deixe um comentário

Top