Crítica: “Perdidos em Paris”, de Fiona Gordon e Dominique Abel

Uma bibliotecária atrapalhada, um mendigo apaixonado e uma velhinha foragida. São estes os protagonistas de Perdidos em Paris, coprodução de França e Bélgica que está em cartaz nos cinemas brasileiros após passar pelo Festival Varilux. Trata-se do quarto longa-metragem de Fiona Gordon e Dominique Abel, mas o primeiro em que a dupla não divide a direção com Bruno Romy. Casados na vida real, os dois se conheceram

10 filmes de diretoras para ver com crianças nas férias

É tempo de férias escolares e o cineminha em casa está na programação de muita gente. Pensando nisso, Mulher no Cinema decidiu reunir 10 filmes dirigidos por mulheres para serem vistos (ou revistos) com as crianças - afinal, nunca é cedo para ensinar os pequenos e pequenas a prestigiar o talento feminino, certo? Na nossa seleção, só entraram filmes com classificação indicativa livre

Lucy Liu vai dirigir episódio da nova temporada de “Luke Cage”

Conhecida pelo trabalho como atriz na série Elementary e em filmes como As Panteras (2000) e Kill Bill (2003), Lucy Liu vai dirigir o primeiro episódio da segunda temporada de Luke Cage, produção da Marvel Television e da Netflix. "Que excitante é colaborar com dois titãs da indústria, que pintam nosso mundo com histórias inspiradoras e personagens fascinantes", disse a atriz,

Três longas brasileiros dirigidos por mulheres competirão em Gramado

Mulheres dirigiram ou codirigiram três dos sete filmes que estarão na competição nacional do 45º Festival de Cinema de Gramado, que será realizado entre 17 e 26 de agosto na cidade gaúcha. Os filmes dirigidos por mulheres na competição deste ano são Como Nossos Pais, de Laís Bodanzky; Pela Janela, de Caroline Leone; e A Fera na Selva, de Eliane Giardini, em parceria

Veja o trailer de “Como Nossos Pais”, novo filme de Laís Bodanzky

Foi divulgado o trailer de Como Nossos Pais, novo filme dirigido por Laís Bodanzky, conhecida por Bicho de Sete Cabeças (2000), Chega de Saudade (2007) e As Melhores Coisas do Mundo (2010). O longa-metragem fez sua estreia mundial no Festival de Berlim deste ano e já tem lançamento garantido em dez países. Como Nossos Pais tem Maria Ribeiro no papel de Rosa, que passa por um

15 filmes de diretoras que arrasaram nas bilheterias

Mulher-Maravilha tem feito história nas bilheterias dos Estados Unidos e do mundo, quebrando um montão de recordes. Mas o filme dirigido por Patty Jenkins está longe de ser o único megasucesso dirigido por uma mulher. O site The Wrap fez uma lista com os longas dirigidos por mulheres que mais faturaram nas bilheterias dos Estados Unidos - e nós completamos com os valores

“Mulher-Maravilha” bate R$ 100 milhões e é terceira maior bilheteria do ano no País

Mulher-Maravilha ultrapassou a marca de R$ 100 milhões nas bilheterias do Brasil, ocupando o terceiro lugar no ranking de maiores rendas do ano. O longa de Patty Jenkins fica atrás apenas de Velozes e Furiosos 8 e A Bela e a Fera. Leia também: Mulher-Maravilha tem maior bilheteria de filme de live-action dirigido por mulher Com isso, Mulher-Maravilha também é o filme

Top