“Elis” lidera indicações ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2017

A cinebiografia da cantora Elis Regina liderou as indicações ao Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, anunciadas nesta quinta-feira (13). Elis disputará 12 prêmios, incluindo melhor longa de ficção e melhor atriz para Andréia Horta. Apenas um filme dirigido por mulher disputa a categoria de melhor longa de ficção: Mãe Só Há Uma, de Anna Muylaert, que também é a única mulher indicada ao

Os filmes de mulheres que marcaram 2016

"Mãe Só Há Uma", de Anna Muylaert

Fazer lista de melhores filmes do ano é pedir para sofrer: tanta coisa que não deu para ver, tanta coisa boa que ficou de fora, tanta coisa. Mas aqui estou para listar dez longas-metragens - cinco dirigidos por mulheres e cinco estrelados por mulheres - que ficaram na minha memória em 2016. A única regra: que os filmes tenham estreado nos

6 filmes de diretoras brasileiras para ver nos cinemas pagando R$ 3

Seis filmes dirigidos por mulheres estão na programação da 17ª edição do Projeta Brasil, iniciativa da rede Cinemark que exibe filmes brasileiros a preços promocionais. Este ano o evento será no dia 7 de novembro e incluirá 606 salas em 81 complexos, localizados em 17 Estados. Os ingressos de todas as sessões custarão R$ 3. A renda arrecadada é revertida para programas de

“Que Horas Ela Volta?” vence Prêmio do Cinema Brasileiro

Que Horas Ela Volta?  foi o principal vencedor do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, realizado nesta terça-feira (4), no Rio de Janeiro. Foram sete troféus: melhor longa-metragem de ficção, direção (Anna Muylaert), atriz (Regina Casé), atriz coadjuvante (Camila Márdila), montagem de ficção (Karen Harley), roteiro original (Anna Muylaert) e longa-metragem de ficção segundo o voto popular. 20858

Dois filmes dirigidos por mulheres concorrem à indicação brasileira ao Oscar

Apenas dois dos 16 filmes inscritos na disputa para ser o candidato do Brasil ao Oscar foram dirigidos por mulheres: O Começo da Vida, de Estela Renner, e Campo Grande, de Sandra Kogut. Leia também: Toni Erdmann é candidato alemão ao Oscar Concorrer ao Oscar de filme estrangeiro é um processo de três fases. Primeiro, cada país escolhe seu candidato e o pré-indica à Academia.

Museu de Nova York exibe filmes de diretoras brasileiras

Para quem mora em Nova York ou vai visitar a cidade em breve: uma mostra de filmes de diretoras brasileiras está na programação deste mês do Museum of the Moving Image. Com curadoria de Marcela Goglio, a mostra O Brasil começa em 19 de agosto e exibe quatro longas recentes. Veja a programação: 19873

“Sofri muitos boicotes e rasteiras machistas”, diz Anna Muylaert

  Sucesso de bilheteria, prêmios internacionais, pré-indicação ao Oscar, convite para integrar a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood. Um ano depois da estreia de Que Horas Ela Volta?, uma coisa é certa: tanto no Brasil quanto no mundo, hoje muito mais gente conhece Anna Muylaert. Há quase três décadas trabalhando com cinema, a diretora sabe que nada aconteceu de repente. Mas

Todos os longas dirigidos por mulheres no Festival Latino

Diretoras da América Latina serão celebradas na edição deste ano do Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo, que começa nesta quarta-feira (20) e vai até dia 27 de julho. O festival caprichou: para começar, 45% dos filmes da programação são dirigidos por mulheres. Além disso, uma mostra é dedicada às divas da Época de Ouro do cinema mexicano e outra a trabalhos

Top