Diretoras brasileiras respondem: qual o melhor filme dirigido por mulher do ano?

Quais os melhores filmes de 2018 de acordo com quem faz cinema? Pelo terceiro ano consecutivo, o Mulher no Cinema publica uma lista muito especial: nela, os destaques do ano que termina são escolhidos não pelos críticos ou pelo público, mas por diretoras brasileiras. Participe: Seja apoiador do Mulher no Cinema e acesse conteúdos exclusivos Leia também: 10 filmes escritos ou dirigidos por mulheres para ver no

Tatiana Lohmann e Roberta Estrela D’Alva lançam luz sobre o slam e o Brasil

No momento em que montavam o trailer de Slam: Voz de Levante, documentário já em cartaz nos cinemas, as diretoras Roberta Estrela D'Alva e Tatiana Lohmann consideraram a possibilidade de serem alvos de ataques nas redes sociais. Uma breve passagem pela página do filme do Facebook mostra que elas estavam certas: entre os 2,8 mil comentários postados no vídeo, publicado em 18 de

Estreias da semana: as mulheres que chegam às salas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e/ou centrados em mulheres que chegam às salas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 22 de novembro. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo "O Colar de Coralina" [Brasil, 2017] Aninha é uma menina frágil, desajeitada e oprimida por praticamente todos que a cercam. No jogo da amarelinha

Diretoras dominam premiação do Festival do Rio

Cineastas mulheres foram as estrelas da premiação do Festival do Rio, encerrado neste domingo (15), num reflexo da forte presença feminina nos filmes em competição: dos nove títulos selecionados para a mostra Première Brasil deste ano, sete foram dirigidos ou codirigidos por mulheres. Nova parceria de Juliana Rojas e Marco Dutra, As Boas Maneiras teve grande destaque, levando os troféus de melhor longa-metragem de

Evento em SP cria diálogo cênico e musical com filmes de diretoras pioneiras

As relações entre filme e gênero estão no centro da nova edição do Projeto Cinema Falado, realizado pelo Sesc Pompeia, em São Paulo, que propõe uma reflexão sobre a voz no cinema. O evento, que começa em 22 de junho, inclui um experimento cênico-cinematográfico, uma mesa de debates e um minicurso, todos focados nas mulheres do audiovisual. O carro-chefe da programação é

Top