Kristen Wiig será vilã Cheetah na sequência de “Mulher-Maravilha”

Conhecida principalmente por comédias como Caça-Fantasmas (2016) e Missão Madrinha de Casamento (2011), a atriz Kristen Wiig vai interpretar a vilã da sequência de Mulher-Maravilha. Leia também: 17 mulheres que deveriam dirigir "Batgirl", segundo os leitores Saiba mais: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias No Twitter, a diretora Patty Jenkins confirmou os boatos de que Wiig interpretaria a Cheeta, ou Mulher-Leopardo.

“Mulher-Maravilha” e “Lady Bird” são indicados ao prêmio dos produtores

Dois filmes dirigidos por mulheres estão entre os 11 indicados ao prêmio do Sindicato dos Produtores dos Estados Unidos: Lady Bird: A Hora de Voar, de Greta Gerwig, e Mulher-Maravilha, de Patty Jenkins. Será a primeira vez que longas com direção feminina disputarão o troféu desde 2013, quando A Hora Mais Escura, de Kathryn Bigelow, foi indicado. Leia também: Filmes protagonizados

Filmes centrados em mulheres dominam bilheterias de 2017

Mulheres protagonizaram os três filmes de maior bilheteria nos Estados Unidos e no Canadá em 2017. É a primeira vez que isto acontece em pelo menos 37 anos, período para o qual há dados disponíveis, de acordo com o New York Times. Retrospectiva: Os principais acontecimentos de 2017 para as mulheres do cinema Leia também: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram

“Mulher-Maravilha” tem maior bilheteria entre filmes de origem de super-heróis

Mulher-Maravilha tornou-se o filme de origem de super-herói de maior bilheteria da história, ultrapassando Homem-Aranha (2002). O longa dirigido por Patty Jenkins faturou US$ 821.750 (R$ 2,6 bilhões) em todo o mundo. Leia também: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias O antigo recorde era de US$ 821.708. Embora este valor não tenha sido ajustado com a inflação, a imprensa americana considerou Mulher-Maravilha o novo recordista por

Patty Jenkins dirigirá sequência de “Mulher-Maravilha”

A diretora Patty Jenkins vai dirigir a sequência de Mulher-Maravilha, informou a imprensa americana nesta segunda-feira (11). A atriz Gal Gadot já estava confirmada para a continuação, que chegará aos cinemas em 2019. A cineasta assumiu a direção de Mulher-Maravilha depois da saída de Michelle McLaren, mas seu contrato era para apenas um longa-metragem. A renovação era esperada após o sucesso mundial da produção, que tornou-se

Patty Jenkins rebate crítica de James Cameron: “Mulheres podem ser tudo”

A cineasta Patty Jenkins usou o Twitter para responder às críticas de James Cameron sobre Mulher-Maravilha, feitas em entrevista ao jornal The Guardian, O diretor de Titanic afirmou que a personagem interpretada por Gal Gadot é um "ícone objetificado" e exemplo da "Hollywood masculina fazendo a mesma coisa de sempre". Disse, ainda, que o filme é "um passo para trás" em comparação à Sarah

Nos EUA, “Mulher-Maravilha” é filme mais lucrativo dirigido por uma mulher

Mulher-Maravilha bateu mais um recorde e tornou-se o filme dirigido por mulher de maior bilheteria nos Estados Unidos em todos os tempos. Com US$ 402 milhões (cerca de R$ 1,28 bilhão) arrecadados no país, o longa bateu o antigo recordista, Frozen - Uma Aventura Congelante, que arrecadou US$ 400 milhões (R$ 1,78 bilhão). Leia também: 15 filmes dirigidos por mulheres que

Top