5 filmes de diretoras para ver em fevereiro na Netflix

Todo mês o Mulher no Cinema escolhe cinco filmes dirigidos por mulheres que podem ser vistos em casa mesmo, no conforto da Netflix. São títulos de diferentes gêneros, que mostram a variedade da produção e ajudam nos dias em que a vontade de ver um filme é grande, mas a inspiração não vem. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e tenha acesso a conteúdo e

Diretoras brasileiras respondem: qual o melhor filme dirigido por mulher do ano?

Quais os melhores filmes de 2018 de acordo com quem faz cinema? Pelo terceiro ano consecutivo, o Mulher no Cinema publica uma lista muito especial: nela, os destaques do ano que termina são escolhidos não pelos críticos ou pelo público, mas por diretoras brasileiras. Participe: Seja apoiador do Mulher no Cinema e acesse conteúdos exclusivos Leia também: 10 filmes escritos ou dirigidos por mulheres para ver no

Fernanda Pessoa revê ditadura pela pornochanchada: ‘Cinema nos conecta ao passado’

O que os filmes da pornochanchada têm a dizer sobre os anos de ditadura militar? Para muitos, o gênero cinematográfico mais produzido e assistido no Brasil na década de 1970 nada mais foi do que uma diversão escapista de qualidade no mínimo questionável. Mas não para a diretora Fernanda Pessoa, que chega às salas nesta quinta-feira (23) com o documentário Histórias

Estreias da semana: as mulheres que chegam às salas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e/ou centrados em mulheres que chegam às salas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 23 de agosto. "Benzinho" [Brasil, 2017] Irene (Karine Teles) mora com o marido Klaus (Otávio Müller) e seus quatro filhos. Ela está terminando os estudos enquanto se desdobra para complementar a renda da casa e ajudar

Top