Emilia Ferreira fala sobre estreia na direção e equipe de mulheres

Treze anos após se mudar para os Estados Unidos, a diretora mineira Emilia Ferreira volta ao Brasil para mostrar seu primeiro longa-metragem, Entrelinhas. O filme, que está na competição da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, é o resultado da vontade de fazer cinema que começou em Belo Horizonte, mas floresceu no exterior. "É um pouco a coisa do sonho americano", explica a

Top