Nos EUA, “Uma Dobra no Tempo” é filme mais lucrativo dirigido por mulher negra

Uma Dobra no Tempo bateu um recorde importante neste fim de semana: tornou-se o filme dirigido por uma mulher negra de maior bilheteria nos Estados Unidos em todos os tempos. Leia também: Ava DuVernay vai dirigir adaptação de quadrinhos da DC Saiba mais: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias O longa de Ava DuVernay, que estreia nesta quinta-feira (29) no Brasil,

Mulheres dirigem 11% das maiores bilheterias de 2017

Mulheres representaram apenas 11% de todos os diretores dos 250 filmes de maior bilheteria nos Estados Unidos em 2017, segundo estudo publicado pela San Diego State University. Embora seja um aumento de 4 pontos percentuais em relação aos 7% obtidos em 2016, o índice é igual ao registrado em 2000. Retrospectiva: A mulher no cinema em 2017, um ano para não esquecer Leia

Presença de diretoras em campeões de bilheteria estagnou desde 2007

Mulheres representaram apenas 7,3% dos diretores dos 100 filmes de maior bilheteria nos Estados Unidos em 2017, de acordo com estudo da Universidade do Sul da Califórnia. Embora seja um aumento em relação a 2016, quando a porcentagem ficou em 4,2%, o índice está abaixo do observado em 2008, de 8%. Retrospectiva: A mulher no cinema em 2017, um ano para

Filmes centrados em mulheres dominam bilheterias de 2017

Mulheres protagonizaram os três filmes de maior bilheteria nos Estados Unidos e no Canadá em 2017. É a primeira vez que isto acontece em pelo menos 37 anos, período para o qual há dados disponíveis, de acordo com o New York Times. Retrospectiva: Os principais acontecimentos de 2017 para as mulheres do cinema Leia também: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram

“Mulher-Maravilha” tem maior bilheteria entre filmes de origem de super-heróis

Mulher-Maravilha tornou-se o filme de origem de super-herói de maior bilheteria da história, ultrapassando Homem-Aranha (2002). O longa dirigido por Patty Jenkins faturou US$ 821.750 (R$ 2,6 bilhões) em todo o mundo. Leia também: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias O antigo recorde era de US$ 821.708. Embora este valor não tenha sido ajustado com a inflação, a imprensa americana considerou Mulher-Maravilha o novo recordista por

Sustentação de “Mulher-Maravilha” é a melhor entre heróis em 15 anos

Mulher-Maravilha é o filme de herói com melhor sustentação nas bilheterias da América do Norte em 15 anos. De acordo com a revista The Hollywood Reporter, a previsão é de que o longa da diretora Patty Jenkins tenha uma bilheteria doméstica de US$ 390 milhões (R$ 1,2 bilhão) ou mais, valor 3,8 vezes maior do que o arrecadado no fim

15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias

Mulher-Maravilha tem feito história nas bilheterias dos Estados Unidos e do mundo, quebrando um montão de recordes. Mas o filme dirigido por Patty Jenkins está longe de ser o único megasucesso dirigido por uma mulher. O site The Wrap fez uma lista com os longas dirigidos por mulheres que mais faturaram nas bilheterias dos Estados Unidos - e nós completamos com os valores

“Mulher-Maravilha” completa quatro semanas no topo das bilheterias do Brasil

Mulher-Maravilha completou quatro semanas consecutivas no topo das bilheterias brasileiras. O filme dirigido por Patty Jenkins arrecadou mais R$ 8,8 milhões nas salas do País neste fim de semana (22 a 25 de junho), chegando a uma arrecadação total de cerca de R$ 90 milhões. De acordo com o site especializado Filme B, Mulher-Maravilha está no quarto lugar do ranking de maiores

“Mulher-Maravilha” é maior bilheteria de filme de live-action dirigido por mulher

Mulher-Maravilha bateu mais um recorde: arrecadou a maior bilheteria de um filme de live-action dirigido por mulher em todos os tempos. Com faturamento global de mais de US$ 635 milhões (R$ 2,1 bilhões), o longa de Patty Jenkins bateu Mamma Mia!, de Phyllida Lloyd, que arrecadou US$ 609 milhões (R$ 2 bilhões). O filme da heroína já tinha feito história ao tornar-se

“Mulher-Maravilha” lidera bilheteria do Brasil pela terceira semana

Mulher-Maravilha segue no topo das bilheterias brasileiras após três semanas em cartaz. De acordo com o site especializado Filme B, o longa da diretora Patty Jenkins faturou R$ 17,5 mil no último fim de semana (15 a 18 de junho). Leia também: Mulher-Maravilha tem melhor estreia de filme dirigido por mulher na história Opinião: Por que você deve reunir as amigas e

Top