“Olhos que Condenam” é a série da Netflix com mais indicações ao Emmy 2019

Criada e dirigida por Ava DuVernay, a série Olhos que Condenam foi o programa da Netflix com maior número de indicações ao Emmy 2019, considerado o Oscar da televisão americana.  Leia também: Veja as mulheres que concorrem ao Emmy 2019 Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo O programa de quatro episódios vai disputar 16 prêmios: melhor minissérie, direção (para DuVernay), roteiro (DuVernay

“The Marvelous Mrs. Maisel” e “Olhos que Condenam” mostram força no Emmy

The Marvelous Mrs. Maisel e Olhos que Condenam estão entre as séries com maior número de indicações ao Emmy, o Oscar da televisão americana, que anunciou seus concorrentes nesta terça-feira (16). A série criada por Amy Sherman-Palladino concorrerá a 20 prêmios, enquanto a de Ava DuVernay disputará 16. Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e acesse conteúdo exclusivo Palladino é a única mulher indicada

Dirigida por Ava DuVernay, série “Olhos Que Condenam” já está disponível na Netflix

Criada e dirigida por Ava DuVernay, a série Olhos que Condenam está disponível para streaming na Netflix a partir desta sexta-feira (31). Os quatro episódios contam a história real de cinco jovens negros e latinos que foram condenados à prisão por um estupro que não cometeram. Entrevista: Mercedes Cooper fala sobre como é trabalhar com Ava DuVernay Apoie: Colabore com o Mulher no Cinema e

Cicely Tyson é 1ª mulher negra a levar Oscar honorário

A atriz americana Cicely Tyson fez história na noite de domingo (18) ao tornar-se a primeira mulher negra a receber um Oscar honorário. A estatueta, entregue em uma cerimônia especial, celebra "contribuição excepcional às ciências e artes cinematográficas". Tyson recebeu a estatueta das mãos da diretora, roteirista e produtora Ava DuVernay. Antes da cerimônia, DuVernay pediu que algumas amigas, mulheres negras,

Mercedes Cooper fala sobre o Array e como é trabalhar com Ava DuVernay

Mercedes Cooper era estudante de economia quando, em 1999, deixou os Estados Unidos pela primeira vez e desembarcou no Brasil para um curso de três meses na Universidade de São Paulo. Não planejava trabalhar com cinema, mas muito do que sabia sobre o País vinha dos filmes que assistira em sala de aula: Xica da Silva (1976), Bye Bye, Brazil

Mulheres serão maioria no júri do Festival de Cannes

Mulheres serão maioria no júri oficial da edição deste ano do Festival de Cannes. Serão cinco profissionais femininas entre os nove jurados: a diretora americana Ava DuVernay, a atriz americana Kristen Stewart, a atriz francesa Léa Seydoux, a cantora do Burundi Khadja Nin e a atriz australiana Cate Blanchett, que atuará como presidente. Guia de Cannes: Veja os filmes dirigidos por

“Uma Dobra no Tempo” acerta na diversidade, mas pesa na mensagem

Uma Dobra no Tempo chega aos cinemas nesta quinta-feira (29) como o lançamento mais importante do ano no que diz respeito à participação e representação feminina em Hollywood. Trata-se, afinal, de um blockbuster de ficção científica produzido pela Disney com mulheres em frente e por trás das câmeras, que entrou para a história como o primeiro longa-metragem com orçamento de US$

Estreias da semana: as mulheres que chegam às telas

Toda semana o Mulher no Cinema prepara uma lista com os filmes dirigidos, escritos e centrados em mulheres que chegam aos cinemas do Brasil. Veja as estreias desta quinta-feira, 29 de março. Árvores Vermelhas [Red Trees, Reino Unido, 2017] O documentário de Marina Willer traça a trajetória do arquiteto Alfred Willer, que faz parte de uma das doze famílias judaicas que sobreviveu à ocupação nazista em Praga,

Nos EUA, “Uma Dobra no Tempo” é filme mais lucrativo dirigido por mulher negra

Uma Dobra no Tempo bateu um recorde importante neste fim de semana: tornou-se o filme dirigido por uma mulher negra de maior bilheteria nos Estados Unidos em todos os tempos. Leia também: Ava DuVernay vai dirigir adaptação de quadrinhos da DC Saiba mais: 15 filmes dirigidos por mulheres que arrasaram nas bilheterias O longa de Ava DuVernay, que estreia nesta quinta-feira (29) no Brasil,

Ava DuVernay vai dirigir “Novos Deuses”, da DC Comics

Ava DuVernay já tem novo projeto após Uma Dobra no Tempo: ela vai dirigir a adaptação para o cinema de Novos Deuses, criada para a DC Comics por Jack Kirby, co-criador de Capitão America e X-Men. Novos Deuses é parte da saga Quarto Mundo, composta por quatro séries de quadrinhos escritas por Kirby nos anos 1970 e que acompanha a guerra entre

Top