Com Rooney Mara, “Maria Madalena” quer mudar conceitos sobre discípula de Jesus

Maria Madalena chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (15) como um filme religioso para os tempos de #MeToo. Estrelado por Rooney Mara e escrito por duas mulheres, Helen Edmundson e Philippa Goslett, o longa destaca o pioneirismo de uma das mais enigmáticas personagens bíblicas, a quem frequentemente foi atribuído o rótulo de prostituta. Crítica: Alicia Vikander é Lara Croft dos novos tempos

Top